amuseBOUCHE

Para falar do que eu gosto...

DiárioReceitasVinhos & CiaDicas e AfinsDicionário

Dusseldorf, domingo, trabalho e chuva

 

O que há para fazer em Dusseldorf, num domingo chuvoso, à noite? Se como eu, você tiver passado o dia inteiro sentado em reuniões, mesmo com chuva vai querer caminhar um pouco, beber uma cerveja e comer qualquer coisa que não seja comida de hotel.

 

Saia para a Altstadt (a “cidade velha”) e chegando lá procure pela Bolkerstrasse. É uma rua de pedestres com uns restaurantes moderninhos, outros caretas, barzinhos de tapas españolas (está na moda), disco clubs onde se fuma shisha e típicas choperias alemãs(Brauhaus). Após caminhar uns 400 metros, preste atenção: você verá à esquerda uma lanchonete muito simples, estilo “pé sujo”, mesas na calçada (organizadamente, afinal estamos na Alemanha) com uma fila enorme na porta: trata-se da Schweine Janes. Há um bom motivo para a fila. Ali serve-se um Schweinehaxe (como traduzir? …paleta de porco, talvez?) excepcional. Temperado na medida, pele crocante, carne suculenta. Tudo graças a uma grelha giratória, tipo “televisão de cachorro”, muito bem pilotada e suprida de belos cortes de suínos. Para acompanhar, as opções típicas: salada de batatas, salada de repolho, pão e cerveja, é claro. Sem frescura, delicioso e a preços muito convidativos.

 

schweinejanes3

 

 

Caso ainda assim você titubeie, sugiro resistir à tentação de ir até o final da rua. Não há muito o que preste. Vá por mim. Tome uns pingos de chuva na cabeça, entre na fila do Schweine Janes e aguarde a sua vez. A recompensa, em forma de comida alemã, vale a espera e apaga as mazelas de um fim de semana inteiro de trabalho!

 

 

schweinejanes4

 

Schweine Janes

Bolkerstrasse 13 – Dusseldorf – Germany

Tel.: 0211 13 14 49

3 comentários para “Dusseldorf, domingo, trabalho e chuva”

  1. Fred disse:

    Rogerio
    seu comentario esta perfeito. Ja estive no Schweine Janes e a comida eh mesmo deliciosa!
    Abraco
    Fred

  2. Edu Luz disse:

    Ainda não estive, mas está anotado.
    Incrível como todo lugar tem o seu chincharron, né?
    Abs.

  3. Rogerio disse:

    Pois é… todo lugar tem o seu porquinho. E este estava delicioso! Quase voltei no dia seguinte para repetir a dose, só que não deu tempo.
    Abraço
    Rogério

Deixe um comentário

 
Amuse Bouche - Conteúdo alimentado por Rogério Moraes
Design; OPORTO design integrado