amuseBOUCHE

Para falar do que eu gosto...

DiárioReceitasVinhos & CiaDicas e AfinsDicionário

Disaster Proof

Desastres acontecem na minha cozinha. Mais freqüentemente do que conto por aqui. Anteontem resolvi bolar um couscous com legumes assados. Muito fácil, não tinha como dar errado: picar abobrinha, tomates cereja e pimenta cambuci (chapéu de padre), regar com azeite + sal + alho e levar ao forno. Depois misturar com couscous hidratado com caldo de legumes bem quente e salpicar hortelã. Ficou horrível. Sem gosto e sem textura. Acabamos pedindo uma pizza.

Era preciso tirar a má impressão no jantar seguinte e o frio me lembrou desta receita à prova de erros: Pasta e Fagioli é um típico prato-família na Itália. Não existe uma “fórmula tradicional”. A preparação varia de mamma para mamma, de região para região e depende muito dos ingredientes disponíveis. Conheço, por exemplo, uma outra maneira de se fazer, onde o feijão é batido com os legumes, como se fosse um creme, que experimentei em Verona.

Desta vez aproveitei uns fagioli lamon que trouxe da Itália na última viagem. Orgânicos e cultivados no Piemonte, são uma variedade de Fagioli Borlotti ovalada e rajada de marron. Têm um sabor muito peculiar, um pouco tostado, lembrando nozes. Guardei um punhado de caroços para plantar. Vamos ver se vingam… No dia a dia, é claro que utilizo qualquer feijão marrom que fique graúdo e firme quando cozido. E a pasta que estiver disponível na despensa. Como boa comfort food, a Pasta e Fagioli depende mais do carinho com que se prepara do que do rigor e origem dos ingredientes.

pasta-e-fagioli-004

Uma Versão de Pasta e Fagioli

Ingredientes:

- 150g de feijão do tipo graúdo (utilizei o italiano lamon, mas até o mulatinho serve…).

- ½ cebola picadinha.

- 2 dentes de alho picadinhos.

- 1 talo de salsão picadinho.

- 4 colheres de sopa de azeite de oliva.

- 1 lata de tomate pelado, picado.

- 1 folha de louro.

- 1 ramo de alecrim fresco.

- 1 litro de caldo de galinha.

- 2 bons punhados de macarrão curto (utilizei serpentini de grano duro).

- 1 pitada de pimenta tipo calabresa (opcional).

- Sal e pimenta do reino moída o quanto baste.

Modo de preparo:

1. Numa tigela, deixe os feijões de molho em água por cerca de 12 horas. Após este período, escorra a água, coloque os feijões em uma panela, cubra com água e cozinhe até que estejam macios, porém firmes. Reserve.

2. Em uma panela, coloque o azeite, a cebola, o alho, o salsão e o louro. Refogue, mexendo de vez em quando, até que a cebola esteja transparente.

3. Acrescente o tomate pelado picado, os feijões e o ramo de alecrim. Refogue por cerca de 3 minutos.

4. Acrescente o caldo de galinha. Quando começar a ferver, acrescente o macarrão. Cozinhe com a panela tampada, em fogo baixo, até que o macarrão esteja cozido.

5. Acerte o sal, coloque a pimenta do reino moída e a pimenta calabresa (opcional).

6. Se quiser, polvilhe parmiggiano ralado ao servir.

Nota: Com esta sopa bebemos o Senhorio de Nava Reserva 2004, um Ribeira del Duero que comentei neste post. Ele não se mostrou tão exuberante quanto eu esperava, mas é um vinho bastante elegante, equilibrado, de corpo médio, com notas de madeira e louro que, em tese combinariam bem com a Pasta e Fagioli. Acontece que este prato tem sabor bem delicado, eu não carreguei no tempero nem salguei demais, pois queria mesmo o sabor dos vegetais. O vinho, apesar de gostoso, ficou um pouco “over” na harmonização.

3 comentários para “Disaster Proof”

  1. Patrícia disse:

    rsrsrsrs, desastres realment são inevitáveis!
    E ese prato ficou com uma cara boa!!!! =)

  2. ligia disse:

    oi Rogério!

    estive fora por uns dias estudando pra um concurso, mas agora estou de volta! e que surpresa! mais uma música linda, que me surprendeu pois não conhecia! mas me encantou viu?
    a receita tb adorei e vou experimentar!
    abraço! Ligia

  3. Rogerio disse:

    Lígia,
    Experimenta que vela a pena!
    Beijo
    Rogério

Deixe um comentário

 
Amuse Bouche - Conteúdo alimentado por Rogério Moraes
Design; OPORTO design integrado